sexta-feira, 27 de julho de 2012

No meio do caminho

No meio do caminho tinha uma pedra 
tinha uma pedra no meio do caminho 
tinha uma pedra 
no meio do caminho tinha uma pedra. 

Nunca me esquecerei desse acontecimento 
na vida de minhas retinas tão fatigadas. 
Nunca me esquecerei que no meio do caminho 
tinha uma pedra 
tinha uma pedra no meio do caminho 
no meio do caminho tinha uma pedra





Carlos Drummond de Andrade 

Um comentário:

  1. Sem comentários para esse gênio, nos seus versos, ele fala por si só!

    ResponderExcluir